Muito mais que Ficha Limpa, Campanha Limpa! - Essa foi péssima!

Pois é, cambada... a propaganda eleitoral começou oficialmente hoje, e é uma boa ideia já ficar de olho no que os candidatos a presidente, governador, senador deputado federal e estadual (ou seja, o voto vai demorar mais e dependendo da zona eleitoral, vai ser mais sacal que fila banco, se é que me entendem) vão aprontar pra conseguir um voto. Detalhe que, desta vez, a Lei Eleitoral No. 9504/97 prevê regras aplicadas à internet.

Dentre os recursos que podem ser aproveitados na campanha, estão as passeatas, carreatas, uso de carros de som e panfetagem. Ou seja, aqueles papeizinhos inúteis que descartamos na mesma hora em que se recebe vai continuar rolando nas ruas e poluindo os meios-fios. Pior ainda nos dias de chuva! Candidato consciente, pra mim, deveria evitar esse tipo de exposição. Não só arranha imagem enquanto está nas ruas, como também mostra não ligar para a questão ambiental, tão em voga nos dias de hoje.

Melhor que isso? Poluição sonora, aqui vamos nós! Os carros de som contando vantagens de candidatos e nos iluminando com jingles intragáveis continuam. Haja protetor de ouvidos.

Em seguida, atenção àquilo que é sumariamente proibido nas propagandas. É uma boa idéia prestarem atenção nessa parte, para que todos possam conferir caso os candidatos estão fazendo campanha limpa.

Neste ano, não se pode mais distribuir camisetas, bonés, cestas básicas (!) e brindes, como chaveiros. Ou seja, nada de canetas com aquele azul claro-quase-apagando-de-tão-tosco-que-é ou a régua do Mingone. Pena... AHHHHHHHHHHHHH, como assim????

A parte que mais quero pagar pra ver é ver se candidato e seus minions não tentarão colocar panfletos em postes, viadutos, clubes, e outros lugares em comum. Outdoors? NEM PENSAR!

Se quiser perder tempo com comícios, vá em frente. Estão permitidos. Mas estou feliz que shows de artistas não estão. Chupa, certa duplinha sertaNOJA que defendeu o Lula!!! Pode também jogar fora tesouras gigantes e economizar nos laços gigantes, pois participar de obras públicas já não faz parte dessas campanhas.

Legal que essas medidas são tão restritas e tentam poupar as pessoas. No entanto, atenção na internet,
que será outra ferramenta para que os sanguessugas das campanhas te encham o saco com e-mails pré-formatados, te sigam no Twitter ou te adicionem no orkut sem você, na maioria das vezes, você conhecer a peça. Ainda bem que você pode ou não se cadastrar nessas tranqueiras, e eles têm obrigação de oferecer ao eleitor a possibilidade de não mais receber esses spams na caixa de entrada.

Por isso, atenção ao que você vê nas ruas! Vamos contabilizar toda e qualquer infração cometida pelos políticos, embora seja inútil, porque eles nunca reconhecem campanhas com infrações e terem os deles na reta. Vou tentar andar com a câmera em mãos, pra ver se flagro algum probleminha pela cidade...hahaha

Inté!

Confiram matéria do JN falando do assunto:



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

3 vezes em que a Problematização foi longe demais

Mais uma vez de volta

Sugestão de série - Crazy Ex-Girlfriend