Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2009

Mais um fim de semana passando...bem malamente

Esse fim de semana foi estranho, pra dizer o minimo. Pra começar, o sábado foi extremamente trabalhoso, com três aulas de capítulos baixos e uma aula de gramática avançada pra terminar o primeiro período. Sabe aquela vertigem de quando você pega um elevador que despenca, tipo da Disney? Pois é, me senti assim.

À tarde, pude ver o novo membro da equipe da escola. Mas por que eu não escrevi conhecer ao invés de ver? O que você acha de uma pessoa que entra no local de trabalho, pede uma tarefa pra recepção e sequer fala "oi" pras pessoas que estão ao redor, inclusive quando todos usam o uniforme, pra indicar que são funcionários da mesma empresa? "Humildade é o cacete, sou o tal e vocês que se explodam!", deve pensar a pobre alma.

O mais chato ainda é descobrir que as duas aulas vagas que você aproveitaria pra corrigir compositions - e dar um descanso, heheheh - foram ocupadas apenas horas antes de você saber. Saco.

Pelo menos depois do trabalho o resto do dia melhorou. …

Teacher, how do you say... Rebimboca da Parafuseta?

Imagem
Adicionei mais um marcador pro blog, que pode ajudar aos dois ou três leitores que estudam inglês; o How do you say...?

Através deste marcador vou tentar solucionar alguns problemas bem típicos pra quem dá aulas de inglês e deparam com perguntas "exóticas" (e inconvenientes, hehhehehe), do tipo "Teacher, how do you say 'apelão' in English?" e você fica com aquela cara de tacho, do tipo...

Cri, cri, cri, cri... e *bola de feno passando ao vento*

Mas isso já é passado! - Ou não, hahaha -, já que, com esse marcador, posso tentar responder às dúvidas de alunos curiosos.

Neste post de inauguração, vou colocar algo que a professora Leila, do blog que está em meus favoritos, encontrou de bacana, os nomes de cortes de carne. Num país com tantas churrascarias - e que inclusive apareceu como ponto turístico na série Os Simpsons -, qual aluno nunca perguntou como fala uma certa parte da carne, já que foi comer picanha e maminha num rodízio de uma steak house?

Pra começar, …

Vamos lá, pra parte um...

Antes de tudo, desculpem minha ausência. Não tenho tido inspiração pra postar com tanta frequência quanto antes. Sei lá, deve ser por causa de... ah, sei lá. Mas enfim, cá estou de volta, firme e forte com os posts aqui, no Kawasakinês. E pros poucos leitores daqui também, é claro. (Beijos, me liguem. HAhahahah)

E pra relembrar minha volta, deixo mostrar aqui o primeiro capítulo do livro-que-era-pra-ser-um-mangá Tigre Sem Rumo. Lembrando que esse título é com que trabalho, não é totalmente oficial. Já tinha pensado em usar Legado Ninja, mas ia ser genérico demais. Depois que veio esse que tenho usado, não tive mais inspiração para criar outros, já que Tigre Sem Rumo tem a ver com o enredo da história.

Preciso explicar de novo, pra não confundir: dividi a história em duas fases. A primeira fala da origem do personagem, em seu contexto histórico em 1986, e a segunda retrataria o cotidiano dele, em dias mais atuais.

O primeiro capítulo serve como um prólogo da história em si, apresentando o…

Uma história sem fim...há muito tempo

Então...minha playlist que acabei de inserir no blog não é um ninja simplesmente porque achei legal. Na verdade, nunca os achei personagens tão fascinantes. Qual é a graça de ser um cara que luta com uma máscara? Isso não dificulta a respiração não? E imagina, se depois de uma luta, ela fica toda suja de sangue... X_X hahahah... Daí, sempre quando tem alguma coisa muito difícil pra fazer, simplesmente dizem "só um ninja pra fazer isso". Ou então alguém faz alguma coisa inacreditável já falam, "nossa, isso foi ninja!" Eu não achava grande coisa. O comentário não era relevante.

Nessa época, há cinco anos atrás, fazia curso de mangá, e as sensações eram Evangelion, Samurai X, Inuyasha (queria ser o Miroki, hahaha), Cowboy Bebop e as reprises de Cavaleiros do Zodíaco (foi a notícia do ano na época! Tinha que gravar porque passava às 18h e eu estudava no Integral à tarde) e YuYu Hakusho no Cartoon Network. E a calamidade do Dragon Ball Z, com os Kamehamehas e fusões, e e…

Pra esquecer aquele probleminha...

Uma vez que não tenho mais iPod, não vi mais importância em deixar aquela lista de músicas que tocava no MP3. Mas achei um negócio legal, um playlist com coisas que curto. O chato é que ele começa a tocar automaticamente...se não quiser ouvir, basta dar o pausa.

Se deixar tocar, tem um pouco de tudo...maioria rock: Oasis, Snow Patrol, Coldplay, até mais desconhecidos como Daughtry, David Cook e Danny Gokey.

E se liguem que o ninjinha aí da playlist tem a ver com update que planejo lançar em breve...

See ya!

O medo, depois a revolta

Diga-me, o que é possível de acontecer numa quinta-feira às 8h30 da manhã, numa rua longa, com transeuntes passando andando apressados e esperando pelos ônibus no ponto? Encontrar um amigo? Tem chances sim. Encontrar dinheiro no chão? Pode até ser. E ser assaltado. Nunca! Era o que imaginava.

Imaginava porque nesse exato horário escrito acima fui abordado por dois sujeitos que pediam dinheiro pra comida. Um estava a meu lado e outro, atrás de mim. Educadamente respondi que não tinha o que dar para eles, mas continuaram a insistir. Neguei de novo. Foi então que pediram meu celular. Fiquei em choque; aquilo era um assalto??

Disse calmamente que o celular era velho, e que estava gasto. Irredutíveis, eles me ameaçaram que iam usar o "quadrado" comigo, seja lá o que isso fosse. Não deu outra, coloquei as mãos nos bolsos e peguei a primeira coisa que estava ao meu alcance. Era meu MP3.

Com medo deles ficarem de olho na mochila, peguei o MP3 e dei a eles, que fugiram na hora.

A revolta…

Quase de bobeira...eu disse QUASE!

Imagem
Hoje o trabalho foi tranquilo. O que é bem estranho, pois é agosto, mês de volta às aulas, voltar daquele clima de férias que contagia a todos, voltar à rotina que é trabalhar, ir pra casa, jantar e capotar. Pra mim foi um pouco diferente, já que não tive férias. Mas pode-se dizer que houve dias na escola que poderia ter aproveitado pra viajar...

É de se estranhar que hoje tenha sido um dia tão pouco produtivo. Seria o tempo frio, que afasta os alunos, ou os deixa enrolados no cobertor, com medo de pegar friagem (e uma gripe suína de brinde)? Seriam os alunos feitos de açúcar, temerosos de derretem numa chuvinha típica das manhãs? Realmente não sei.

No meu schedule de hoje, havia quatro aulas marcadas: Uma Fun Class de manhã e o resto das aulas seriam de tarde, com um chapter 12, Special Class e mais uma Fun Class pra fechar meu turno. Fun Class os alunos nunca faltam, e por isso tive que assistir ao filme Shrek 2, com grande prazer (I'm a stallion! Look, I'm trotting, I'm t…

Desaparecem as Cores do Kodachrome ou os Cantos da Coroa?

Bom, depois de dois posts sendo um mala reclamando da vida, já tava na hora de postar algo mais light, certo? Por isso vou juntar nesse post duas de minhas diversões favoritas, música e videogame.

Quem já jogou Super Smash Bros Brawl sabe que a trilha sonora do jogo é fan-fucking-tastic, contando inclusive com um tema de abertura cantado em latim. Você encontra desde ritmos medievais (Attack e o medley de Ocarina of Time estão entre minhas favoritas), espaciais (Starfox Main Theme e Breaking Through the Ice são de fazer inveja aos fãs de Star Wars), e até um beat mais "tropical" ou com batuques que lembram um ritmo mais folk (Yoshi's Story Ending e Pikmin World Map 2 são claros exemplos). Tem até um jazz pop bem nervosinho, com Meta Knight's Revenge. Não fosse um jogo, Smash Brawl seria também uma obra prima para os ouvidos.

Uma das franquias mais curiosas de estar no jogo é Metal Gear Solid. E a trilha instrumental dessa série por si só é fantástica, dando a sensação …

APCM - Que PORRA é essa?????

Uma de minhas maiores alegrias descobertas era baixar minhas séries favoritas em sites especializados, como IsLifeCorp, e poder acompanhar junto com os telespectadores americanos o que passava na TV dos EUA.

Foi assim que consegui acompanhar as temporadas novas inteiras de Desperate Housewives, American Idol 8 e The Big Bang Theory, além de uma série de episódios de CSI Las Vegas, Scrubs, Grey's Anatomy, The United States os Tara e 30 Rock. Era só esperar alguns minutos (numa conexão de 500KB, variava de 30 a 50 minutos dependendo da série) e pronto, bastava uns cliques para assistir quantas vezes quiser, a qualquer hora e melhor, poder voltar para ver alguma coisa da cena que passou em branco ou que você não entendeu muito bem (as pistas de CSI, por exemplo, queria ver mais de uma vez ou não entendia o que eles falavam em jargões científicos. Como os episódios eram meio pesados, eu apagava e esperava pela semana seguinte, só pra baixar e continuar com minhas histórias favoritas.

Ma…

Adoro a revista Veja...

...e seu vocabulário esdrúxulo, grotesco e passional - entenda tendencioso e parcial. Adoro averiguar esses textos que, se pudessem ser espremidos, jorrariam adjetivos pejorativos, expressões negativas para indispor a parte contrária, expressões positivas para enaltecer a quem favorece e argumentos carregados de uma ironia afiada e visceral para convencer seu público, que deve terminar a leitura dos textos com um sorriso no canto do rosto, sibilando: "É isso aí Veja. Concordo contigo".

Não me entendam mal. Junto com revistas como Época e IstoÉ, a Veja é uma das publicações mais vendidas no país e que relatam assuntos factuais, de maneira mais aprofundada que os jornais diários. É um feito, uma vez que, semanalmente, dezenas de leitores discutem os assuntos em pauta e tecem elogios e contestações quanto à abordagem dos temas. Nesta última edição de número 2126, de 19 de agosto, um leitor destacou que a revista "marcou um gol de placa entrevistando a psicóloga Rozângela Al…

Sujo X Devasso - O Duelo de Vale Tudo (atualizado com vídeos)

Imagem
Aqui também deixo um espaço dentro do blog pra falar da mídia atual, dando uns ataques de vez quando ou pra comentar alguma noticia vista por aí.Quem acompanhou dos principais noticiários da noite nos dois últimos dias, “Jornal Nacional” e “Jornal da Record”, tem visto um tiroteio de acusações mútuas, iniciada com uma reportagem da rede carioca inspirada numa notícia do “Estado de São Paulo”, denunciando que as doações feitas pelos fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus estariam financiando uma série de vantagens para a casa de Deus de Edir Macedo, tais como angariar recursos para a compra de óleos santos de Israel, o financiamento de novos templos e o pagamento de pregações nas rádios e TVs. A Universal aceitava cheques, carros e outros bens como doação. (Leia o resto clicando aqui).Durante a janta de hoje, pude acompanhar esse embate com os próprios olhos. Comecemos pela Globo, com o ar blasé e inexpressivo e o seriíssimo compromisso com a verdade do JN. *cof cof*, Sarney dono d…

Não é só o papa que é pop

Como diria a famosa canção dos Engenheiros do Hawaii, "o pop não perdoa ninguém". Nem mesmo as séries americanas. Nessa entressafra de séries que tem ocorrido, com uma tremenda escassez ante das estréias que costumam acontecer em setembro, fãs devem se contentar com reprises de temporadas recém encerradas.

É nesse ambiente morno e sem graça que assisti à reprise de um episódio da quinta temporada de Desperate Housewives, com um diálogo hilário. Uma pena que a série, que chegou a ser uma das minhas favoritas, agora é só um mero entretenimento não-obrigatório (tá, eu baixava todos os episódios dessa temporada atual ansioso), que sempre ficou com esse gostinho de quero mais e de "é isso"? Por mim, poderiam matar a Susan e Mike que ficaria bem melhor.

Enfim, o diálogo em questão é num flashback de Gaby (Eva Longoria), numa conversa com Carlos (Ricardo Chavira), o marido cego desempregado. A ex-modelo acaba de descobrir que está grávida e, sem dinheiro, não sabe como sust…

One More Thing!

Mais uma adição em meus favoritos, por favor, visitem o blog de minha colega Leila, o C'est La Vie. Ela também é teacher! Estamos até tentando combinar de criar um blog de teachers...acessem!
http://www.saglioni.com/leila/Leila/Blog/Blog.html

teh+

A new purchase. For now...for the best! Be green!

Imagem
É sério: preciso parar de fazer compras on-line, ou vai ser compulsivo. Semana passada comprei o Wii Sports Resort por impulso (e porque o preço tava muito bão), e agora, acabei de imprimir o boleto pra mais um trequinho pro Wii...um recarregador do Wii Remote, como esse aqui:

Por um lado, adeus pilhas gastas! Não preciso mais dar uma passada na padaria pra comprar pilhas descartaveis a cada duas semanas (alcalinas duram mais tempo MY ASS! ...uma droga) e ajudo a preservar a natureza. Fiquei assustado com as pilhas que tenho consumido com o Wii Remote. (Deveria, acima de tudo, parar de jogar videogame ao invés de parar de comsumir pilhas? ÉÉhhh...NAH!, como diria o Mr. Michael Kyle, em "My Wife and Kids", HAUAHUAhauhauh)

Além do mais, descobri agora que o Wii Motion Plus gasta mais bateria! Por isso fiquei com medo quando tava no meio do passeio de wakeboard e apareceram só três barrinhas ao invés das quatro habituais...

Por outro lado, depois dessa compra, é melhor deixar de l…

Templatesssss

Alguem aí conhece site legal pra templates??? Tinha achado um tao legal...o problema é que qdo o video do youtube era HQ, cobria toda a coluna do lado...ficou uma caca.

Quem souber de algo bacana, me contata!!!! Toh cansado dessas bolinhas coloridas do inferno, hahahaha

Thankssss

A prova dos 9 (ou seria dos 3?)

Com a ajuda da teacher Leila (clique AQUI para acessar o blog dela), encontrei um video que mostra as diferenças dos competidores da sétima e oitava temporada de Idol. Dá uma zoiada nisso:



Repara que o Cook domina o estágio e que dá uma nota alta no fim do vídeo, mas que é agradável. Já os outros dois, sei lá...o Kris ficou apagado (como diria o Simon, está fora da "comfort zone") e o Adam atropelou o backing vocal do Cook (ele deve ter ficado puto, pensando: "Que esse mala tá cantando na minha parte???")

Agora, dá licença que mais tarde vem mais updates!

Com sono...toda a vida

Imagem
Essa foto tirei há alguns minutos, pra vcs verem o que faço durante as horas de folga. Sim, estou com cara de acabado. E sim, dormi pra caramba hoje. Mas não o suficiente.

Pra ter noção do sono: fui pra cama às 3h, pq tava assistindo pela terceira ou quarta vez ao filme Kung-Fusão. Nunca deixo de rir das piadinhas e lutas matrixnescas do protagonista, e da inquilina velha e rabugenta do cortiço (Hello Dona Florinda oriental, hahaha)

Meu plano era dormir até pelo menos a hora da almoço. Mas não: minha mãe me acorda `as 9h pra dar o presente para meu pai, no dia dele. "Vai logo, ele vai sair", alerta minha mãe. Fui. Dei um abraço, e voltei pra cama. Capotei.

Acordei às 11h30 pra arrumar a mesa pro almoço. Fiquei acordado pra ficar junto a todos (pais, avós e irmão) e jogar Wii Sports Resort em família. Foram risadas a toda hora: meu irmão viciado em encestar bolas de basquete, meu pai acertando bem no meio do alvo na primeira jogada de arco-e-flecha e, pasme!, minha mãe deve ter …

Divida cumprida...em partes I

Não sei porque raios, mas tá muito dificil encontrar algumas apresentações do American Idol no YouTube. Por isso vou cumprir em partes a promessa de postar videos de algumas apresentções que fizeram uma homenagem prévia a Michael Jackson.

O primeiro é do vencedor Kris Allen, que fez uma versão acústica a la Jason Mraz de "Remember the Time", e outro é do adorado (não por mim, mas enfim) Adam Lambert, com uma versão glam e escandalosa de "Black & White", música que curto de paixão.

Sinceramente, não sei porque esses dois fizeram tanto alarde para o público. Pode até ser que Kris seja bem criativo (a versão ao vivo de "She Works Hard for the Money", de Donna Summer na semana disco foi uma beleza) e o Adam é um camaleão ("Mad World" em uma semana "Born to Be Wild" em outra?), mas sei lá, falta alguma coisa neles. E a voz de ambos falham em certos momentos. Quem ouviu o começo do estúdio de "She Works Hard for the Money" do Kri…

O dia ainda não acabou...

Então, aí vai: feliz dia pra todos os pais!

Coming soon...a home, sweet home. FOR REAL!

Imagem
Seja bem vindo! Vamos entrando?

Sim, estou cumprindo minha promessa - mesmo que em partes - de abrir as portas de casa em Animal Crossing: City Folk, do Wii. Entretanto, como a casa tem três andares diferentes, vou dividir os posts em três partes, pra mostrar a minha casa, epa, quer dizer, do Hyde, meu eu-lírico (alguém lembra dessa palavra?? HAUHAUhauahuh) aí da foto, que mora na cidade de Kawasaki (ou para os conhecedores do nihongô, cidade de Ribeiro). Hahahaha

Demorei pra tirar as fotos porque o Hyde me pediu pra dar um tempo, pra ele limpar a casa. Ele me disse que tinha acabado de comprar móveis novos, e ainda estava vendo os melhores lugares pra dispô-los na casa. Achei a idéia meio tosca de início, mas fazer o que né? (Tão tosca como eu ter um diálogo com uma criatura digital, mas enfim...hahahaha) Daí você vai conferindo o resultado de pouco em pouco, pode ser?

Aguardem que já mostro o Extreme Makeover que ocorreu na casa do Hyde! A foto aí de cima é como se fosse do final do pr…

Um doce comercial

Não adianta...quando encano com alguma música (seja ela boa ou não), preciso identificá-la e baixar logo. Não interessa se for em inglês, português, japonês, instrumental...o que grudar na cabeça, tenho que pegar logo!!! Aconteceu com Laura Pausini cantando "Speranza" (sim, aquele tema de novela, mas bem pop), músicas de abertura de animes, séries e videogames. Daí, coloco no iPod, escuto várias vezes e apago.

Dessa vez, o comercial do chocolate Dark & Soft da Lacta que me prendeu a atenção. O esquema é bem simples: a mulher chega em casa e dá uma mordida na barra. É a deixa pra mostrá-la se deLEITando com o chocolate (tentativa de trocadilho besta que não poderia passar em branco, hahahaha) e relaxando ao redor daquela cascata ao leite...tudo isso me faz viajar nesse comercial, junto com a moça... Coisa boa!

E a trilha sonora não poderia se encaixar melhor! A baladinha bem pop do começo, com um solo do q acho q é uma guitarra (não sei identificar instrumentos musicais, so…

Um bom update está para vir

Este post é só pra avisar que vem seção nova neste blog. Nessa seção, falarei de algo que me acompanhou desde que me conheço por gente. (Exagero, mas enfim, é pra mostrar a afinidade com o objeto em questão).

Trata-se de videogame, essa diversão eletrônica que quebrou o paradigma de ser brincadeira de criança (tanto é que criança nunca iria poder pagar por isso) e virou coisa de gente grande. (Por favor, não me confundam com esses geeks bizarros que gostam de jogos de tiro, tipo Counter Strike. Não acho graça alguma nesse tipo de jogo).

Mas oq demoro a falar é que daqui a pouco vou atualizar essa página (q esteve às moscas de novo, sorry) com coisas realmente legais. Acabei de reformar minha casa Em Animal Crossing City Folk, e acabei de comprar Wii Sports Resort. Daqui a pouco atualizo com minhas impressões.